Museu da Fundação Gulbenkian no Top 7 Mundial dos Museus.


O Museu da Fundação Calouste Gulbenkian está entre os sete melhores pequenos museus do Mundo. Quem o diz é o sítio americano The Savvy Explorer que elegeu o museu português a par do Kunsthaus, em Zurique, o Musee de l´Orangerie, em Paris, e a Peggy Guggenheim Collection, em Veneza. Nos Estados Unidos, os escolhidos foram o The Clark em Massachusetts, The Frick Collection em Nova Iorque e o Phoenix Museum of Art no estado de Arizona.

No sítio do The Savvy Explorer é feita uma pequena descrição de cada museu assim com dos horários de abertura e encerramento e preço de entrada. Está também disponível uma ligação directa para sítio do museu da Fundação.

Mais uma boa notícia para Portugal e para a Fundação Gulbenkian. Parabéns‼

Fontes:

http://thesavvyexplorer.com/index.php/art-trail-mainmenu-59/40-article/770-the-worlds-best-small-museums?start=2
http://www.opcaoturismo.com/noticia.php?id=1857444

Advertisements

Sistema de Escrita Braille

Ontem, 4 de Janeiro, comemorou-se a invenção da escrita para cegos, e o nascimento do seu inventor Louis Braille, também ele cego. A sua cegueira não era congénita. Ainda muito novo o pequeno Louis feriu-se num dos olhos ficando imediatamente cego desse olho. Passado algum tempo a infecção provocada pelos ferimentos do primeiro olho passa para o segundo deixando Louis Braille completamente cego.

Por volta dos 10 anos de idade entra para o Instituto Real de Cegos de Paris. Mais tarde, em 1827 torna-se professor e desenvolve um sistema anterior ao seu e é então que nasce a escrita em Braille- “ processo de leitura e escrita por meio de pontos em relevo” .

Foi um grande avanço para o ensino dos cegos. Adaptável a todas as línguas e todas as espécies de grafias, o Sistema Braille trouxe mais conhecimento aos cegos que dele usufruem.

No caso do Turismo Acessível foi um contributo enorme na divulgação dos Destinos, da sua Cultura, das suas gentes e para tornar mais acessíveis todos os produtos e serviços destinados, quando os há, a pessoas com este tipo de incapacidade e aos seus acompanhantes.

Fontes:

http://www.lerparaver.com/braille_invencao.html

http://pt.wikipedia.org/wiki/Braille

http://www.tacomarubberstamp.com/raster.aspx