Lisbon’s Maritime Museum is For All


Located in Belém, Lisbon in an surrounding are closely linked to the Portuguese Discoveries, the Maritime Museumtells the history of the relationship between Portugal and the Sea. Founded 150 years ago, this museum was a pioneer in accessibility for people with reduced mobility.
It all started in 1863 when  D.Luís I, the only Portuguese monarch to command a ship, an Oceanography enthusiast , decided to legislate the creation of a collection of testimonies related to maritime activity in Portugal. this collection assembled pieces of sixteenth and seventeenth centuries .
In 1934 , the works were beginning construction the building , where is now the Museum , at the Jerónimos Monastery . In 1948 Henrique Maufroy  de Seixas donates in  testament to his most valuable private collection , becoming the Maritime Museum great benefactor.
With the creation of all the legal tools in 1959 has begun the installation of the museum as we know it today , in the west and north wing of the Jerónimos Monastery .
The Collection
The vast collection of the Museum of Marineembraces the whole history of navigation in Portugal . You can view navigation instruments , figureheads of some ships of the Portuguese Navy , models of important Portuguese ships , as the Tall ship Sagres or types of vessels fishing inshore and distant river . You can also view the Royal cabins of the last portuguese kings , who belonged to the Royal Yacht ” Amelia” . A pavilion highlighted Museum is also possible to see ships -sized , is the call of sandeels room where we can find ships river traffic and fishing . It is also in this pavilion we find three seaplanes , among which stands out the ” Santa Cruz III ” , which completed the first sea crossing of the South Atlantic in 1922 , made ​​by Gago Coutinho and Sacadura Cabral
Accessibility

Being the primary mission of the Maritime Museum, the disclosure of its collection , was  attention to visitors with special needs . So were eliminated any type of barriers that could prevent the passage of people with mobility problems . For people who are blind or have low vision have at their disposal a ” Touch Route ” along the permanent exhibition , where visitors can grope 44 pieces in six thematic areas . The course is supported by subtitles in Braille and two black and catalogs in Braille for the visually handicapped .
Entry into the permanent exhibition is free for people with disabilities .
Source :


Contacts

Ten Gonçalves Neves
Tel.: 213620019
Fax: 213631987
E-mail : geral.museu@marinha.pt


Praça do Império, 1400-206 Lisboa

GPS location

38°41’49.20″N
  9°12’29.03″W
Related Videos





Advertisements

Museu de Marinha de Lisboa é para Todos

Localizado, em Belém, Lisboa, numa área envolvente estreitamente com Os Descobrimentos Portugueses, o Museu de Marinha conta-nos a história da relação de Portugal com o Mar. Fundado há 150 anos, este Museu foi pioneiro na acessibilidade a pessoas com mobilidade reduzida.
Tudo começou em 1863, quando D.Luís I, o único monarca português a comandar um navio e grande entusiasta da oceanografia, decidiu legislar sobre a constituição de uma colecção de testemunhos ligados à actividade marítima em Portugal. esta  colecção reunia peças dos séculos XVI e XVII.
Em 1934, tiveram inicio as obras de construção o edifício, onde se localiza actualmente o Museu, no Mosteiro dos Jerónimos. Em 1948 Henrique Maufroy de Seixas doa em testamento a sua valiosíssima colecção particular, tornando-se o grande benemérito do Museu de Marinha.
Com a criação de todas as ferramentas legais, em 1959, deu-se início à instalação do museu, tal como o conhecemos hoje, nas alas poente e norte do Mosteiro dos Jerónimos.
A Colecção

O vasto acervo do Museu de Marinha abarca toda a história da navegação em Portugal. É possível ver instrumentos de navegação, figuras de proa de alguns Navios da Marinha Portuguesa, maquetas de importantes navios portugueses, como o Navio escola Sagres ou tipos de embarcações de pesca costeira, longínqua e fluvial. É também possível ver as Camarinhas reais, dos últimos monarcas portugueses, que pertenceram ao Iate Real “Amélia”. Num pavilhão destacado do Museu é também possível ver navios em tamanho real, é a chamada sala das galeotas onde podemos encontrar navios de tráfego fluvial e de pesca. É também neste pavilhão que vamos encontrar três hidroaviões, de entre os quais se destaca o “Santa Cruz III” , que completou a primeira travessia marítima do Atlântico Sul em 1922, feita por Gago Coutinho e Sacadura Cabral

As acessibilidades.
Sendo a principal missão do Museu de Marinha, a divulgação do seu acervo, houve una atenção especial com os visitantes com necessidades especiais. Assim foram eliminadas quaisquer tipo de barreiras que pudessem impedir a passagem de pessoas com problemas de locomoção. Para pessoas cegas ou com baixa visão têm à sua disposição um “ Percurso Táctil” ao longo da exposição permanente, onde os visitantes podem tactear 44 peças nas 6 áreas temáticas. O percurso é suportado por legendas em Braille e por dois catálogos em Braille e a negro para amblíopes.

A entrada na Exposição permanente é gratuita para pessoas com deficiência.


Fonte:

Contactos

Ten Gonçalves Neves
Tel.: 213620019
Fax: 213631987
E-mail : geral.museu@marinha.pt
Praça do Império, 1400-206 Lisboa

Localização GPS
 38°41’49.20″N
  9°12’29.03″W

Vídeos relacionados


http://youtube.googleapis.com/v/U4dxJTEWJq4&source=uds